Enxoval e Decoração para Bebês e muito mais

10 Dicas Para Quem Deseja Vender Seu Artesanato - parte 2

Olá estou aqui de novo agora com a segunda parte das nossas dicas, leiam com atenção para que possam tirar proveito.

Crie a sua Identidade visual 

Crie uma logomarca e a use nas suas Redes Sociais, e  loja Virtual. Aproveite seu lado artístico e procure algum elemento ou imagem que se identifique com seu trabalho ou com você, e comece a usar no seu blog, site, página, cartão de visita.
A minha identidade Visual vocês já conhecem.
Ela está em tudo o que eu faço, é a maneira de reconhecerem a minha Marca.

Você também precisa ter a sua Marca, para que você possa se apresentar de maneira profissional para seus clientes.
                                              A minha marca é essa:



Tenha foco
Quando a gente trabalha com artesanato como fonte de renda, precisamos ter sempre em mente essa palavra: FOCO.


Se você vender uma peça em que não tenha muita experiência para executá-la, existe a possibilidade de erros, e a perda de materiais e tempo serão inevitáveis.
Para os artesãos que tenham um número considerável de clientes ou encomendas isso pode fazer uma grande diferença.
Então se você é bom em uma técnica se foque nela, às vezes precisamos dominar outras técnicas para agregar valores ao nosso trabalho, mas evite se desviar muito do seu ramo de artesanato.
Ex: Se você trabalha com festas aprenda somente técnicas que agregarão valores à sua área de atuação, assim seu trabalho será cada vez mais bem executado.

Lembre-se aos poucos você irá conquistando cada etapa.

Tenha postura    
Ao atender um cliente é muito importante que você tenha a postura adequada.
Nunca se faça de coitado ou se ache o melhor do mundo.


 Não seja nem “humilde” demais tentando convencer as pessoas a comprar seu artesanato, nem seja arrogante se achando o melhor artesão da região.
Você deve achar o seu equilíbrio e apresentar o seu produto pela qualidade e pelo valor artesanal que ele possui, e valorizar-se pela pessoa que você é, e pelo profissional maravilhoso que você pode ser.


Não desanime.
A vida de um profissional autônomo não é fácil, ainda mais para o artesão, que precisa colocar toda a sua criatividade em suas peças, lidar com clientes que desvalorizam seu trabalho reclamando de valores, e as vezes até pessoas chegadas que acham que esse trabalho é só um bico.
 No começo você vai perder horas ou noites de sono para dar conta das suas encomendas.
Mas amigas não desanimem!!

 Esse é um mercado que vem crescendo mais a cada dia, e com tantos crafters dando show de arte, muitas pessoas estão hoje sim vivendo e sustentando muito bem suas famílias com artesanato.

 Aos poucos àqueles que não levavam seu trabalho a sério, 

vão se orgulhar do seu trabalho e quem sabe até poderão te ajudar.

  Se você usar essas dicas em seu favor, com certeza, terá cada vez mais sucesso nesse Maravilhoso Mundo do Artesanato

Espero que tenham gostado dessas dicas, são pequenos detalhes que farão a diferença para muitas pessoas que fazem artesanato ou que querem começar a fazer.
Compartilhe aqui no blog suas sugestões, dúvidas e elogios é claro.
Bjus e até a próxima!

 Texto Grace Leguisamont
   Imagens: Google
Postar um comentário